23 de set de 2015

Superlua e eclipse lunar total poderão ser vistos no Brasil


(Jornal do Commercio) Dois fenômenos envolvendo a lua acontecerão no dia 27 de setembro e poderão ser vistos na América do Norte e Sul, Europa, África e partes do oeste asiático. A superlua, que dá a impressão de que a lua está mais brilhante e maior (cerca de 14% a mais de diâmetro), e o eclipse lunar total, quando a sombra da terra encobre a superlua acontecerão na madrugada do domingo para a segunda.

A Nasa fez um vídeo explicando os fenômenos, que acontecem raramente juntos. O último fenômeno deste tipo, aconteceu em 1982 e o próximo acontecerá apenas em 2033. Segundo a agência espacial, o eclipse lunar total vai durar uma hora e 12 minutos.

A partir das 18h o público poderá ver a maior lua cheia deste ano, segundo o coordenador do Espaço Ciência Alexandre Evangelista. E, a partir das 23h52, os amantes da lua poderão vê-la avermelhada, após a sombra da terra. O eclipse lunar total começa a partir das 22h40 até a 1h30 da madrugada.

ESPAÇO CIÊNCIA - O museu interativo da ciência apresentará uma programação especial. A partir das 16h, do dia 27 de setembro, até as 2h do dia 28, a população poderá acompanhar o fenômeno do Observatório Astronômico do Museu, localizado no Alto da Sé, em Olinda. Três telescópios estarão disponíveis para o público de forma gratuita e a todas as idades. Ainda, em frente ao observatório, a população poderá participar das atividades oferecidas pelo ciência móvel, projeto que é levado ao interior do Estado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente