5 de mai de 2017

Escolinha de Astronautas encanta crianças e adolescentes da FMIJ


(PMCG / Campos 24 Horas) Olhinhos atentos e um sorriso a cada descoberta. O primeiro dia da Escolinha de Astronautas, nesta quinta-feira (4), na sede da Fundação Municipal da Infância e da Juventude (FMIJ), foi de grande aprendizado para crianças e adolescentes assistidos, que demonstraram conhecimento sobre astronomia e surpreenderam o coordenador do projeto, Marcelo de Oliveira Souza, com questionamentos sobre o sistema solar e o dia a dia dos astronautas durante as missões no espaço.

Através de vídeos, eles puderam entender que a gravidade influencia diretamente na realização de atividades simples, como se alimentar, escovar os dentes e até fazer as necessidades fisiológicas.

“Lá eles flutuam. Isso é muito legal. Podem fazer tudo o que quiserem de cabeça para baixo, até beber água. Um dia, quando eu for grande, eu quero ir para o espaço também”, disse o pequeno Elias Vasconcelos, de 9 anos, que participa do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos (SCFV) Desafio.

Neste primeiro contato, com o mundo da astronomia, os assistidos já conheceram especificidades sobre os planetas Marte e Saturno, descobriram que o sol é uma estrela e que a Terra é infinitamente pequena se comparada ao sol. Nos próximos encontros serão utilizados equipamentos de observação do sol. “Gostei muito do envolvimento deles com a atividade. Demonstraram interesse e fizeram uma série de perguntas pertinentes e curiosas. É certo que aqui encontraremos grandes talentos”, comentou Marcelo Souza.

O vice-presidente da FMIJ, Antônio Barreto, revelou às crianças e aos adolescentes a importância do projeto. “Estamos muito satisfeitos e honrados em desenvolver aqui na Fundação um projeto como este, que tem reconhecimento internacional. Muito nos surpreende o fato de a Escolinha de Astronautas trazer ao nosso público informações que, apesar de distante da realidade diária deles, estão absolutamente à altura da expertise dos nossos assistidos”, ressaltou Antônio Barreto.

Como proposto, eles também já iniciaram as atividades de condicionamento físico, ponto fundamental na preparação do astronauta para as missões. A Escolinha de Astronautas, desenvolvida pelo Clube de Astronomia Louis Cruls em parceria com a Associação de Professores de Educação Física do Norte e Noroeste, é uma preparação para o projeto Missão X, desenvolvido pela Agência Espacial Norte Americana (Nasa), que será iniciado em setembro.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente