26 de nov de 2015

Como um vilarejo turco ficou ‘rico’ com a queda de meteorito

Chegada de meteorito em um pequeno povoado trouxe consigo uma inesperada fonte de riquezas


(BBC/Terra) O anúncio da passagem de um asteroide pela Terra costuma despertar medo em muitas pessoas, temerosas pelo possível impacto no planeta.

Na verdade, as visitas de meteoritos inferiores a um metro de largura ocorrem com frequência e não costumam representar perigo algum.

A maioria dos asteroides se desintegra ao entrar em contato com a atmosfera. Se algum consegue avançar, o mais provável é que caia no oceano ou em áreas desabitadas.

No entanto, para os moradores de um pequeno povoado na Turquia, a chegada de um meteorito no começo de setembro trouxe consigo uma inesperada fonte de riquezas.

Nas semanas posteriores a essa explosão no céu, os habitantes de Sarıçiçek, um povoado rural de 3,2 mil pessoas no leste do país, começaram a coletar no solo, sobretudo por curiosidade, pequenos pedaços de rocha.

Após a chegada de um acadêmico ao local, a busca se intensificou quando os moradores se deram conta do valor dessas pequenas pedras, alvo de colecionadores e pesquisadores do mundo inteiro.

Segundo a imprensa local, os moradores de Sarıçiçek já embolsaram mais de US$ 350 mil (cerca de R$ 1,3 milhão) graças a essas vendas.

E a busca continua, alimentada por relatos sobre moradores que já teriam comprado carros e casas com o dinheiro das pedras.

O preço estimado de um grama do meteorito turco é de aproximadamente US$ 60 (ou cerca de R$ 220), segundo o site local Haberturk.

O mais sortudo até agora é Hasan Beldek, um homem de 30 anos que localizou um pedaço de 1,5 kg depois que sua sogra insistiu em que ele saísse a procurar pedras como os outros moradores. "Não aguentava mais (a sogra), então fui testar minha sorte", afirmou Beldek ao site Haberturk. "Procurei por três ou quatro horas. E logo vi uma pedra preta brilhante maior do que um punho, quase me olhando."

Beldek já recusou ofertas de até US$ 120 mil (cerca de R$ 450 mil) porque acredita que ainda possa fazer mais dinheiro, com o qual planeja abrir uma lanchonete com seus irmãos em Istambul.

Essa não é a primeira vez que um meteorito deflagra uma verdadeira "caça ao tesouro".

Houve um episódio parecido em 2013 na região de Chelyabinsk, no centro da Rússia, após um asteroide cair num lago, espalhando antes vários fragmentos pelas imediações.

Mais de mil pessoas se feriram após a queda desse objeto de cerca de 19 metros de largura e 10 mil toneladas - janelas se quebraram e houve até quem se queimasse pela intensidade da luz ultravioleta gerada na queda.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente