4 de jan de 2016

Terra começa o ano com a “chuva de estrelas” das quadrântidas


(Sul Informação - Portugal) Na sua viagem anual em torno do Sol, a Terra atravessa diferentes regiões do espaço interplanetário, num percurso orbital de cerca de 940 milhões de quilómetros.

Entre o primeiro e o quinto dias de Janeiro de cada ano, a Terra passa por uma região particularmente rica em poeiras, brindando-nos com uma chuva de meteoros (na linguagem popular denominados “estrelas cadentes”) característica desta época: a chuva das Quadrântidas.

O efeito mais espetacular observa-se na noite de 3 para 4 de Janeiro de cada ano. Em 2016, o pico ocorrerá na madrugada.

Sabemos que as chuvas de meteoros recebem o nome derivado da constelação de onde os traços dos seus meteoros parecem divergir (ponto denominado “radiante” da chuva de meteoros).

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente