15 de mar de 2016

Primeiro brasileiro no espaço completa 10 anos de lançamento na Missão Centenário


(Gazeta da Cidade) Em 2016, o único brasileiro a ir ao espaço, Marcos Pontes, completa 10 anos de seu primeiro lançamento. Para comemorar o feito, o Centro de Visitantes do Kennedy Space Center promoveu uma série de encontros especiais com o astronauta, que contou algumas histórias sobre os desafios da corrida espacial. Um dos projetos que teve a participação de Marcos foi o “Voe com um Astronauta”, o qual contou com um simulador de voo, no Centro de Visitantes da Agência Espacial Americana (Nasa – sigla em inglês de National Aeronautics and Space Administration).

Marcos Cesar Pontes, nascido em Bauru (SP), é um tenente-coronel da Força Aérea Brasileira (FAB) – atualmente na reserva – de 53 anos. Além de ser o primeiro astronauta brasileiro a ir ao espaço, foi também o primeiro sul-americano e o primeiro lusófono (aquele que fala português) a conseguir tal feito, na missão batizada de “Missão Centenário”, em referência à comemoração dos 100 anos do voo de Santos Dumont, no avião 14 Bis, realizado em 1906.

Em 30 de março de 2006, o astronauta brasileiro partiu em direção à Estação Espacial Internacional (ISS), a bordo da nave russa Soyuz TMA-8, com oito experimentos científicos do Brasil para execução em ambiente de microgravidade. O retorno ocorreu no dia 8 de abril a bordo da nave Soyuz TMA-7.

Filho de Virgílio e Zuleika Pontes, Marcos Pontes é casado com Franciska de Fátima Cavalcanti e tem dois filhos. Seus hobbies são musculação, futebol, violão, piano, desenho e pintura em aquarela. Além disso, ele também se dedica ao radioamadorismo – praticado em quase todos os países do mundo por pessoas habilitadas e licenciadas por autoridades, para a intercomunicação e estudos técnicos sem motivo de lucro. Seu prefixo como radioamador é PY0AEB. Como piloto da FAB, possui quase duas mil horas de voo em 25 tipos de aeronaves, entre elas F-15, F-16, F-18 e MIG-29.

Missão Centenário
Em 18 de outubro de 2005, a Agência Espacial Brasileira (AEB) e a Agência Espacial da Federação Russa (Roscosmos) assinaram um acordo que possibilitou a realização da primeira missão espacial tripulada brasileira, batizada como “Missão Centenário”, em referência à comemoração dos cem anos do voo de Santos Dumont.

A tripulação composta por Marcos Pontes, Jeffrey Williams, astronauta estadunidense, e o russo Pavel Vinogradov, comandante da missão, decolou no dia 29 de março de 2006, às 23h30 (horário no Brasil), no Centro de Lançamento de Baikonur, no Cazaquistão. Eles levaram 15 quilos de carga da Agência Espacial Brasileira, incluindo oito experimentos científicos criados por universidades e centros de pesquisas do Brasil. A missão foi realizada com sucesso e teve duração de 10 dias.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente