27 de abr de 2017

Tesouros da Ciência

No dia 3 de maio, às 14h, MAST disponibiliza ao público dois mil livros do acervo da Academia Brasileira de Ciências. Entre os destaques está obra com anotações a mão feitas pelo poeta Manuel Bandeira.



Responsável desde 2015 pela guarda do acervo bibliográfico da Academia Brasileira de Ciências (ABC), o Museu de Astronomia e Ciências Afins (MAST) vai disponibilizar ao público, no dia 3 de maio, os primeiros dois mil livros já catalogados da coleção. Entre os destaques estão obras com anotações a mão feitas por importantes cientistas e escritores, como o poeta Manuel Bandeira e o físico Joaquim da Costa Ribeiro. As raridades estarão expostas no evento de lançamento, que acontece a partir das 14h, na Biblioteca do Museu. O MAST fica na Rua General Bruce, 586, em São Cristóvão. A entrada é gratuita.

Durante o trabalho de processamento técnico realizado pelo Museu, foi encontrado um curioso exemplar do livro Cours D'Analyse, da École Polytechnique, célebre escola de engenharia francesa. Além de importância científica, os organizadores descobriram que a publicação, lançada em 1868, possuía valor simbólico, pois havia pertencido à Manuel Bandeira, na juventude estudante de engenharia. Há na obra diversas anotações escritas à mão pelo poeta, o que a torna um exemplar único.

Outro tesouro estava escondido no livro Principles of Nuclear Engineering, de Samuel Glasstone, 1955. Dentro da publicação havia cartas que foram trocadas entre o físico Joaquim da Costa Ribeiro, dono do exemplar, e o cientista americano Donald Kallman. "São obras singulares que teremos muito prazer em disponibilizar ao público", afirma Eloísa Almeida, chefe da Biblioteca do MAST. A coleção também poderá ser consultada no site do MAST, na base de dados da biblioteca.

No total, o acervo da ABC conta com 14 mil volumes. "São ao menos 400 obras raras da história da ciência nacional. Com a guarda dessa coleção, o MAST é hoje detentor de um dos maiores acervos brasileiros de publicações científicas consideradas históricas, senão o maior", explica Heloisa Bertol, diretora do MAST. A cerimônia de lançamento da primeira parte do acervo bibliográfico acontece no dia do aniversário da ABC e é uma homenagem do Museu de Astronomia aos 101 da instituição.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente